A Secretaria de Estado da Segurança e da Defesa Social da Paraíba (Sesds) entregou na tarde dessa quinta-feira (28), 40 radiocomunicadores para a Polícia Federal (PF). Os HPS serão usados pela Superintendência Regional na Paraíba ampliando a rede do sistema de comunicação entre as forças de segurança no Estado.

Os rádios que a Polícia Federal recebeu a partir de um acordo de cooperação entre a Sesds e PF fazem parte do sistema de comunicação implantado na Paraíba, cuja cobertura atualmente chega a 95% do Estado com um cadastro de 6 mil rádios que são usados por todas as Forças de Segurança, Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiro Militar, Departamento de Transido da Paraíba (Detran), Sistema Prisional, Guarda Metropolitana de João Pessoa, Cabedelo, Santa Rita, Polícia Rodoviária Federal (PRF) , Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) e Samu.

A tecnologia usada pelo sistema de rádios, é a TETRA, a mesma empregada nos principais países da Europa. “A comunicação entre os rádios é muito segura porque todas mensagens são criptografadas. Desta forma, você tem a certeza de que ninguém está copiando o que se fala entre as forças de segurança. Isto traz tranquilidade nos planejamentos e nas execuções das ações”, disse Fabiano de Abrantes Vieira, gerente de tecnologia da informação da Sesds.

A Polícia Federal realizou um estudo sobre a rede de rádio usada na Paraíba. Técnicos da informação da PF fizeram uma prova de conceito e atestaram o uso do sistema pela superintendência local. “Esta parceria com a Sesds vai viabilizar a atividade da Polícia Federal, facilitar a comunicação dentro das estruturas e fora delas, inclusive com as forças de segurança da Paraíba. Na análise foi verificado que a abrangência e o serviço disponibilizado são de ótima qualidade. O rádio é perfeitamente seguro e atende as nossas necessidades. Eles já vão entrar em uso para viabilizar as atividades da Polícia Federal”, explicou Rosilene Duarte, superintendente em exercício da Polícia Federal na Paraíba.

“Esta parceria é muito importante. A Secretaria da Segurança e da Defesa Social tem trocado várias experiências e tecnologias com a Polícia Federal, além de operações integradas e o compartilhamento de equipamentos que é o caso dos nossos rádios que fazem parte de sistema eficiente pode com certeza ajudar muito a atividade da PF no estado. A gente faz questão de ter a Polícia Federal como parceira na caminhada, como outros que já temos e só engrandece as ações integradas entre a Sesds e a PF”, concluiu Jean Nunes, secretário da Segurança e da Defesa Social da Paraíba.