A Secretaria de Estado da Saúde (SES), através da Gerência Operacional de Atenção Psicossocial, em parceria com a UFPB, abre, na próxima quinta-feira (1º),  a campanha Setembro Amarelo. Este ano, a programação tem o tema: “Prevenção ao suicídio se faz com fortalecimento de políticas públicas; a interface entre saúde mental e direitos humanos”. A abertura será das 9h às 12h, na UFPB, no auditório do CCJ, no campus de João Pessoa.

“Durante todo o mês, teremos uma programação variada com promoção de debates sobre o cuidado em saúde mental das populações mais vulnerabilizadas. Sugerimos a criação de rodas de conversa, palestras com eventos para a sociedade (fora dos CAPS), no sentido de criar espaços de escuta que mapeiem e potencializem coletivos e redes de apoio e cuidado”, disse a gerente Operacional de Atenção Psicossocial da SES, Iaciara Alcântara.

A gerente destacou a importância da Rede de Atenção Psicossocial (RAPS) da Paraíba organizar sua agenda para promover e divulgar ainda mais suas ações que já ocorrem o ano inteiro, intensificando a criação de grupos com temas específicos sobre o sofrimento gerado por violências e violações de direitos em relação à raça, gênero, orientação sexual e da cultura de ódio.

“Além disso, a vinculação do sofrimento mental e o uso problemático de drogas com agravamento e ampliação das expressões da questão social da nossa população durante e pós-pandemia”, pontuou.

Setembro Amarelo é uma campanha brasileira de prevenção ao suicídio, iniciada em 2015. O mês de setembro foi escolhido para a campanha porque, desde 2003, o dia 10 de setembro é o Dia Mundial de Prevenção do Suicídio

Programação:

Dia 1/9 – Abertura Presencial na UFPB (Auditório CCJ )

Manhã – (9h  às  12h) – Temática: “Prevenção ao suicídio se faz com fortalecimento de políticas públicas: a interface entre saúde mental e direitos humanos”

Tarde – (14h às 17h) – Inauguração Espaço Nise da Silveira CAPS AD III Jovem Cidadão

O CAPS realizará também a I Semana de Práticas Corporais como estratégia de integração e cuidado em saúde mental. Dentro da programação, terão atividades físicas competitivas, de lazer, de circulação e práticas diferenciadas de cuidado, oficina de jogos teatrais, capoeira  e disputas esportivas (futebol de areia, vôlei, tênis de mesa, bocha, xadrez).

Terá também a programação pela plataforma virtual Google Meet:
Dia 6/9  –  14h – Temática: Saúde Mental da População Indígena
Dia 13/9 – 14h – Temática: Saúde Mental da população em situação de rua
Dia 20/9 – 14h – Temática: Saúde Mental da população LGBTQIAP+
Dia 27/9 – 14h – Temática: Saúde Mental da população Negra

 

PBGOV