Reprodução

A Polícia Federal da Argentina prendeu na noite deste domingo (4) Brenda Uliarte, namorada de Fernando Sabag Montiel, acusado pelo atentado contra Cristina Kirchner na quinta-feira passada.

Cristina Kirchner foi vítima de uma tentativa de assassinato na frente da casa dela, em Buenos Aires. O atirador, de 35 anos, apontou uma pistola para o rosto dela, mas a arma não disparou (veja vídeo abaixo).

A ordem de prisão foi da juíza María Eugenia Capuchetti, responsável pelo caso, que também decretou sigilo da investigação. Segundo o jornal ‘Clarín’, ela foi detida na estação de trem de Palermo.

Ainda de acordo com o jornal, apesar de Uriarte ter dito publicamente que não via Montiel há dois dias, imagens de câmeras de segurança mostram o casal junto no transporte público no dia do ataque à vice-presidente.

O ‘Clarín’ informa ainda que, em seu depoimento, Brenda buscou se distanciar das ações do namorado, mas a Justiça federal investiga a hipótese de que Montiel não agiu sozinho e teve ajuda da namorada.

A Polícia Federal informou também que apagou os dados do celular de Fernando ao tentar desbloquear o aparelho para extrair informações. As autoridades só tiveram acesso a dados de contatos, fotos e vídeos.

G1