Após conquistar uma vaga para a próxima legislatura da Assembleia Legislativa da Paraíba, o ex-prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, declarou que vai aguardar a decisão nacional antes de se pronunciar sobre seu apoio no segundo turno. Ele disse que o momento é de consulta as bases, pois essa é uma decisão coletiva. “Vou participar ativamente nesse processo”, garantiu.

No primeiro turno, Lula apoiou Veneziano Vital do Rego. Já João Azevêdo, até o início da propaganda eleitoral tentava vincular sua imagem à de Lula. Ele contava com o gesto do petista porque o vice, Geraldo Alckimn (PSB), era do mesmo partido que o seu.

Sobre o pleito, Cartaxo garantiu que não ficará “neutro” no segundo turno, mas que apenas após o partido de manifestar oficialmente é que vai expressar seu apoio.

Quando questionado se pretende deixar a vaga recém conquistada na Assembleia Legislativa em 2024 para tentar uma nova eleição para Prefeito de João Pessoa, Cartaxo desconversa. Ele explica que seu foco no momento é o trabalho no legislativo estadual. “Nosso objetivo número um era conquistar esse mandato e o segundo é trabalhar por todo o estado nesse mandato. Eleição municipal é um cenário que se discute lá na frente”, afirmou.

Nesse pleito, o PT elegeu dois deputados estaduais, Luciano Cartaxo e Cida Ramos.

 

Mônica Melo