O segundo turno na Paraíba será disputado por João Azevêdo (PSB) e Pedro Cunha Lima (PSDB) para o cargo de governador. Com essa definição, o Partido Liberal no estado já se pronunciou sobre o posicionamento que irá tomar, alertando aos filiados de que a decisão passa pelo presidente estadual, deputado Wellington Roberto.

“O Partido Liberal no estado da Paraíba, no momento em que cumprimenta a todos, enfatiza que as articulações políticas no que atina as composições no segundo turno, com vistas à disputa do Governo do Estado, deverão ser conduzidas pelo presidente estadual dessa legenda de acordo com as diretrizes e alinhamentos deliberados pelo diretório nacional do partido e coordenação de campanha do presidente Jair Bolsonaro”, declarou o PL, em nota assinada pelo presidente estadual Wellington Roberto.

Ainda na nota, o PL informa que, “oportunamente, convidamos os filiados e demais interessados na continuidade do processo de construção de um país que respeite os princípios cristãos, a vida, liberdade e proteja as famílias, a manterem o foco e continuarem com sua militância em favor do presidente. Enfatizamos que todas as medidas são com o propósito de fortalecer a reeleição de Bolsonaro, bem como assegurar a união de todos os que compõem essa agremiação partidária.”

 

Lucas Isídio