Reprodução

Segundo informações de Emerson Machado, Mofi, a polícia prendeu um dos envolvidos na morte do comandante-geral da Guarda Civil Municipal de Conde.  A prisão aconteceu na Rua Maria Rosa, no bairro de Manaíra, na capital, pelos agentes da Delegacia de Crimes Contra o Patrimônio (DCCPAT). O profissional foi assassinado a tiros na noite da última quarta-feira (19), na Orla da Capital.

Conforme a Polícia Civil, outros dois suspeitos conseguiram fugir durante a abordagem. O suspeito preso foi encontrado com dois ferimentos de arma de fogo. Ainda segundo a polícia, ele foi baleado no dia do crime após trocar tiros com o comandante da guarda e não havia procurado atendimento médico.

Em depoimento, o preso confessou que efetuou disparos contra Sérgio Carneiro da Silva. Por conta dos ferimentos, o suspeito foi levado para o Hospital de Emergência e Trauma.  A polícia segue em diligências para localizar os outros envolvidos no crime.

Relembre o caso

O comandante-geral da Guarda Civil Municipal de Conde foi morto a tiros na noite desta quarta-feira (19.10), na Orla de João Pessoa.

O caso foi registrado por volta das 23h30. Sergio Carneiro da Silva tinha 38 anos e estava em um carro estacionado na Avenida Cabo Branco quando foi surpreendido por duas pessoas em uma moto, anunciando um assalto.

Segundo informações da polícia, o agente teria tentado reagir e houve uma troca de tiros, momento em que ele foi atingido.

Sergio chegou a dirigir o carro por alguns metros, mas bateu com o veículo em um poste. Ele estava acompanhado de uma amiga, que não ficou ferida. Os suspeitos fugiram. A polícia apura crime de latrocínio.

Em nota, a prefeitura do Conde, na região metropolitana de João Pessoa, lamentou o ocorrido e decretou luto oficial de três dias:

Nota da Prefeitura do Conde

É com profundo pesar que a Prefeitura de Conde lamenta o falecimento do Comandante da Guarda Municipal, Sérgio Carneiro, ocorrido na noite desta quarta-feira, dia 19 de outubro.

Um profissional exemplar, querido e respeitado por todos os colegas de trabalho. Diante de tamanha perda, manifestamos nossos sentimentos a todos os amigos e familiares e decreta Luto Oficial de três dias no município.

Mofi Paraíba