Macintosh SE foi usado por Steve Jobs de 1988 a 1994, quando ele trabalhava na NeXT

O computador Macintosh SE usado por Steve Jobs de 1988 a 1994 será leiloado nesta 3ª feira (25.out.2022) em Nova York, nos Estados Unidos. O lance inicial foi estabelecido em US$ 200 mil (cerca de R$ 1.061.520,00 na cotação de hoje). Estima-se que o dispositivo seja vendido por até US$ 300 mil (R$ 1.592,280,00).

O equipamento foi usado pelo fundador da Apple quando ele atuava na empresa de tecnologia NeXT. “Jobs ofereceu [o Macintosh] ao atual proprietário no final daquele ano [1994], mencionando que ele poderia ter valor algum dia”, contou a Bonhams, empresa responsável pelo leilão, em comunicado no site.

A máquina que será vendida armazena informações sobre o trabalho de Jobs na NeXT, como tarefas semanais, dados de recrutamento, planos de viagem e até uma reunião perdida com o então príncipe Charles, hoje rei Charles 3º, do Reino Unido. Dados pessoais e sigilosos foram apagados.

O comprador levará o computador com um disco rígido interno de 20 MB e backup adicional, teclado e mouse. Adicionalmente, receberá documentos relacionados a Steve Jobs, como cartões de visita de quando ele trabalhou na Pixar, com valor estimado em até US$ 3.000 (R$ 15.922,80), e uma avaliação de desempenho assinada, estimada em até US$ 8.000 (R$ 42.460,80).

STEVE JOBS

Matthew Yohe/Wikimedia Commons – 2.mar.2008 Steve Jobs, um dos fundadores da Apple, morreu em 2011, vítima de um câncer

 

Steven Paul Jobs nasceu em 24 de fevereiro de 1955 em São Francisco, na Califórnia (EUA). Foi co-fundador e presidente da Apple. Tornou-se conhecido por revolucionar a indústria de computadores para uso pessoal.

A Apple foi fundada em abril de 1976 e tinha outros 2 sócios: Steve Wozniak e Ronald Wayne. Wozniak era responsável pelo desenvolvimento técnico dos primeiros equipamentos. Foi parceiro de longa data de Jobs.

Já Wayne era supervisor administrativo. Deixou a companhia pouco depois de sua criação ao vender sua parte por apenas US$ 800.

Além da Next, Steve Jobs também atuou na empresa de animação Pixar e foi acionista da The Walt Disney Company.

Morreu em 5 de outubro de 2011, aos 56 anos, vítima de um câncer no pâncreas.

 

Poder 360