Reprodução

Consumidores que desejam renegociar pendências financeiras podem aproveitar o Mutirão Nacional de Negociação de Dívidas e Orientação Financeira que começa nesta terça-feira (1º). A ação vai até 30 de novembro.

O Banco Central, a Federação Brasileira de Bancos (Febraban), a Secretária Nacional do Consumidor e os Procons estão juntos no mutirão que reúne mais de 160 instituições. Pessoas físicas que tenham dívidas em atraso junto a bancos ou instituições financeiras não atreladas a bens dados como garantia podem participar da ação.

A campanha busca a conscientização dos consumidores sobre o superendividamento. Os interessados devem acessar a página do Mutirão para encontrar as orientações para as dívidas em atraso e também sobre como organizar as finanças, além de dicas de saúde financeira.

As ações serão realizadas pela plataforma do governo federal ou nos canais diretos das instituições participantes que estão disponíveis na página do Mutirão. Os consumidores podem acessar o sistema do Banco Central com informações de dívidas com bancos e órgãos públicos, cheques devolvidos, contas, chaves PIX e operações de câmbio.

O consumidor também pode acessar a plataforma de educação financeira Meu Bolso em Dia Febraban.

 

g1