Reprodução

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes determinou nesta quinta-feira (3) que a Polícia Federal envie à Corte todos os dados reunidos sobre os líderes dos bloqueios antidemocráticos e golpistas.

A PF terá que encaminhar principalmente a identificação dos donos de veículos utilizados para bloquear as estradas.

“Determino à Polícia Federal que providencie a remessa aos autos da presente ação de todas as informações disponíveis sobre a identificação dos líderes das ações ilícitas em curso, em especial a identificação dos proprietários dos veículos utilizados nos referidos bloqueios”, escreveu.

O ministro analisa um pedido da Confederação Nacional do Transporte, que voltou a acionar o STF nesta terça-feira para pedir:

  • que a Corte determine à PF a identificação dos líderes e donos dos veículos usados na interdição das rodovias;
  • que seja dada ordem de apreensão dos veículos; e
  • que, caso seja identificada a participação de empresas no apoio aos bloqueios, as garagens dessas firmas sejam lacradas.
  • A CNT afirmou que os novos pedidos pretendem dar efetividade à decisão tomada pela Corte nesta madrugada.

“Importa ressaltar que o presente pedido, assim como os bloqueios que se busca reverter e impedir que aumentem, demonstram-se sui generis, de modo que as medidas a serem adotadas devem se ater a restaurar a ordem pública, superar a omissões de autoridades públicas e responsabilizar aqueles que atuam contra a democracia brasileira.”

 

TV Globo