Pacientes que fazem tratamento contra o câncer no Hospital do Bem, que integra o Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro de Patos, no Sertão da Paraíba, assistiram ao primeiro jogo da seleção brasileira na Copa do Mundo 2022, contra a Sérvia, na tarde desta quinta-feira (24). Acompanhantes e funcionários da unidade de saúde também acompanharam a partida.

Uma das pacientes que assistiu a estreia do Brasil em campo foi a assistente social Gilvaneide dos Santos Medeiros, de 48 anos. Para ela, o Brasil deve vencer com um gol de vantagem.

“Hoje é clima de copa, descontração. Nem parece que a gente tá fazendo quimio”, brincou.

Outro torcedor que acompanhou o jogo no hospital foi o idoso Geraldo Mathias da Silva, de 69 anos, que trata um câncer de cólon. Durante o primeiro tempo da partida, ela passou pelo procedimento de quimioterapia.

Pacientes, acompanhantes e profissionais torcem pela seleção brasileira em hospital no Sertão da PB — Foto: Divulgação/Assessoria do Complexo de Patos

Pacientes, acompanhantes e profissionais torcem pela seleção brasileira em hospital no Sertão da PB — Foto: Divulgação/Assessoria do Complexo de Patos

Animado, ele garantiu que ficou feliz por poder fazer o tratamento e ao mesmo tempo acompanhar a seleção brasileira. “Não esperava por essa boa surpresa”, destacou.

A ideia de que os pacientes pudessem torcer pela seleção brasileira partiu da oncologista do Hospital do Bem, Nayarah Xavier. Ao longo do dia, estão agendados atendimentos para 30 pacientes somente na sala de quimioterapia.

A transmissão do jogo acontece na recepção principal do Hospital do Bem e na sala de quimioterapia. Na sala de infusão estarão presentes apenas pacientes e funcionários do setor, devido por causa das medidas de prevenção à Covid-19. Nesse caso, os acompanhantes ficarão na recepção.

G1