Cagepa propõe reajuste de R$ 4,61 por mês na tarifa de água na Paraíba

O reajuste sugerido é menor que as tarifas dos estados vizinhos, segundo justifica a Cagepa. O reajuste tarifário deve entrar em vigor no mês de abril.

A Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa) propôs reajuste de R$ 4,61 por mês para os clientes residenciais que consomem até 10m³ d’água. A proposta de reajuste tarifário foi apresentada pelo presidente da estatal, Marcus Vinícius Neves, em audiência pública realizada na tarde desta terça-feira (26).

O reajuste sugerido é menor que as tarifas dos estados vizinhos, segundo justifica a Cagepa. O reajuste tarifário deve entrar em vigor no mês de abril.

Na apresentação, o presidente Marcus Vinícius expôs obras e ações realizadas recentemente pela Cagepa em toda a Paraíba, além dos investimentos feitos para automatizar os serviços e reduzir o índice de desperdício de água.

“São mais de R$ 568 milhões sendo investidos em obras e serviços para garantir a segurança hídrica da Paraíba, além de R$ 287 milhões para esgotamento sanitário. Então, para custear essa demanda de forma justa, e com o intuito de manter o equilíbrio econômico-financeiro da Companhia, elaboramos esse estudo”, pontuou o presidente.

De acordo com o gerente de Assuntos Regulatórios da Cagepa, Leonardo Brasil, a tarifa na faixa de consumo até 10m³ – que compreende 67% dos clientes – deve sair dos atuais R$ 46,28 para R$ 50,89, valor necessário para cobrir as despesas com insumos, materiais e investimentos feitos pela companhia no abastecimento de água e coleta e tratamento de esgotos.

“Além de ter que arcar com os aumentos no valor de insumos essenciais no processo de tratamento de água e esgotos, a Cagepa também precisa continuar investindo nas obras e projetos que garantam serviços de qualidade aos clientes. Esse reajuste vai trazer essa segurança para a companhia, que vem crescendo a olhos vistos como uma das empresas de saneamento com melhor desempenho, sustentabilidade e gestão do Nordeste”, explicou Leonardo Brasil.

Ainda segundo gerente de Assuntos Regulatórios da Cagepa, atualmente, a tarifa de água da Cagepa é menor do que a cobrada em estados vizinhos, como Pernambuco (R$ 56,16), Alagoas (R$ 64,03) e Rio Grande do Norte (R$ 53,74). “Mesmo com o reajuste, a nossa tarifa continuará menor do que o valor atual deles”, justificou.

Tarifa Social segue sem alteração

Por determinação do governador João Azevêdo, a Cagepa não vai reajustar o valor da Tarifa Social, pelo 16º ano consecutivo. Portanto, as famílias contempladas pelo benefício continuarão pagando R$ 10,56 para serviços de água.

Análise da ARPB

A partir de agora, a Agência de Regulação da Paraíba (ARPB), que participou da audiência pública representada pelo diretor executivo de Regulação e Articulação Institucional, Gilvan Alves Júnior, vai analisar a proposta de reajuste de 9,97% e decidir o índice que será implementado.

Por ClickPB

cagepa, audiencia publica
Foto: Cagepa/Divulgação