Pitt reage a acusação de Jolie de violência doméstica:’Cortina de fumaça’

Pitt acusa Jolie de usar alegações de agressões como “cortina de fumaça” para prejudicar o processo

Brad Pitt e Angelina Jolie, ex-casal de Hollywood, estão em meio a uma nova batalha judicial, desta vez pela posse da vinícola Chateau Miraval. Pitt acusa Jolie de usar alegações de agressões como “cortina de fumaça” para prejudicar o processo. Os advogados de Jolie negam as acusações e afirmam que ela está apenas buscando justiça.

O casal comprou a vinícola em 2008 e se casou na propriedade em 2014. Após a separação em 2016, Jolie vendeu sua parte para o empresário Yuri Shelfler em 2021 por US$ 64 milhões. Pitt alega que ambos tinham um acordo de que um só venderia sua porcentagem na propriedade com o aval do outro, o que não teria sido respeitado por Jolie na negociação de 2021.

No novo capítulo do processo, os advogados de Jolie apresentaram documentos que mencionam uma briga protagonizada por Pitt, Jolie e seus filhos em um avião em 2016. No entanto, também são mencionadas agressões prévias cometidas pelo ator.

O documento diz: “Apesar do histórico de abusos físicos de Pitt contra Jolie ter começado muito antes da viagem de avião da família em setembro de 2016, da França para Los Angeles, o voo marcou a primeira vez que ele voltou seus abusos físicos para os filhos também”.

Uma pessoa próxima a Pitt negou a acusação em depoimento ao jornal britânico The Santand: “Este é um padrão de comportamento – sempre que há uma decisão que vai contra o outro lado, eles optam consistentemente por introduzir informações enganosas, imprecisas e/ou irrelevantes como uma distração. Houve um longo julgamento de custódia que envolveu toda a história de seu relacionamento e um juiz que ouviu todas as evidências ainda lhe concedeu a custódia 50/50”.

Jolie e Pitt são pais de Maddox (22 anos), Pax (20 anos), Zahara (19 anos), Shiloh (17 anos) e os gêmeos Knox e Vivienne (15 anos). Os novos documentos apresentados à Justiça dos EUA por representantes do ex-casal foram noticiados cerca de duas semanas após um juiz determinar a vitória de Jolie no processo. No entanto Pitt recorreu.

Quando a vitória de Jolie foi anunciada, o advogado da atriz, Paul Murphy, comemorou em entrevista ao site Entertainment Tonight: “O juiz rejeitou a maioria das alegações do Sr. Pitt porque elas não têm base legal. O processo do Sr. Pitt nunca foi sobre uma disputa comercial; em vez disso, é sobre suas tentativas de encobrir abusos graves, e estamos satisfeitos que o juiz tenha rejeitado grande parte das alegações do Sr. Pitt”. O advogado depois completou: “A Angelina realmente não nutre má vontade em relação ao Sr. Pitt e espera que ele agora a liberte de seu processo frívolo, pare seus ataques implacáveis ​​e se junte a ela para ajudar sua família a se curar de suas dores em privado”.

A disputa judicial entre Pitt e Jolie parece estar longe de um fim. As próximas semanas serão cruciais para determinar o futuro da vinícola Chateau Miraval e, possivelmente, da relação entre os dois astros de Hollywood.

POR NOTÍCIAS AO MINUTO