O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) sancionou, nesta quinta-feira (19), dois projetos de lei que abrem créditos orçamentários que somam R$ 4,1 bilhões para vários ministérios.

Os PLN (Projeto de Lei do Congresso Nacional), nº 24 e nº 43, têm o intuito de garantir o prosseguimento das atividades ligadas às políticas públicas, entre elas, relacionadas à pandemia do novo coronavírus.

Os recursos se destinam às áreas da Saúde, Economia, Educação, Desenvolvimento Regional, Infraestrutura, Ciência e Tecnologia, Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Justiça e Segurança Pública, Meio Ambiente, Cidadania, entre outros.

Os atos serão publicados no DOU (Diário Oficial da União) da próxima sexta-feira (20).

Ministério da Economia

Decreto assinado por Bolsonaro traz mudanças na estrutura regimental e no quadro de funcionários de confiança do Ministério da Economia. A medida altera o decreto 9.745, de 2019, que versa sobre a composição da pasta.

A medida resulta na adesão da pasta ao programa TransformaGov, que busca modernizar e dar mais eficiência ao Estado. Segundo o governo, a mudança não causará impacto orçamentário, em razão de os recursos estarem alocados em programação orçamentária já prevista.

R7

Facebook Comments