Normando Sóracles, radialista e ex-vereador de Juazeiro do Norte, morreu na tarde desta sexta-feira (25). Ele estava internado no Hospital São Camilo, em Fortaleza, após testar positivo para Covid-19, no início de dezembro. O quadro da doença se agravou na quinta-feira (24).

Familiares divulgaram uma nota lamentando a morte de Sóracles, que deixa a mulher, Adriana Russo, e dois filhos, Daniel Damasceno e Lívia Romana.

Enquanto recebia cuidados no hospital, Normando gravou um vídeo fazendo um alerta sobre a gravidade da doença e pedindo que as pessoas tivessem cuidado.

Vida na comunicação e na política

Normando Sóracles nasceu em Cajazeiras, na Paraíba, e era radicado em Juazeiro do Norte, no interior do Ceará. Ele trabalhou como radialista e fundou veículos de comunicação com notícias da região do Cariri.

Ele exerceu também o cargo de vereador em Juazeiro do Norte e de suplente de deputado federal, e foi candidato a prefeito de Juazeiro do Norte em 2016.

Camilo Santana, governador do Ceará, lamentou a morte do radialista através das redes sociais e prestou solidariedade à família de Normando.

“O Cariri perdeu hoje o radialista e ex-vereador Normando Sóracles, uma pessoa por quem sempre tive muito respeito. Com estilo inconfundível, deu relevante contribuição à Região, em especial a Juazeiro. Foi mais uma vítima da Covid, que tantas vidas têm nos tirado”, publicou o governador.

Luto oficial na cidade

A Prefeitura Municipal de Juazeiro do Norte decreto luto oficial de três dias pela morte do radialista. Em nota oficial, o prefeito da cidade, Arnon Bezerra, lamentou o falecimento do “ativo comunicador”.

“Ao mesmo destaca a relevância do trabalho prestado a Juazeiro do Norte e toda a região do Cariri, na área empresarial, política e da comunicação”, destaca o prefeito.

G1