Comerciante que trabalha com crediário passou por um susto ao chagar na casa de cliente e ser alvo de disparo de arma de fogo, ao cobrar o valor não especificado por duas cadeiras de balanço que o ambulante tinha vendido ao mesmo. O fato aconteceu nessa sexta-feira (7) na cidade de Itaporanga (PB), no Vale do Piancó, em uma rua no conjunto Alto das Neves.⁠

De acordo com as autoridades militares, a vítima teria ido fazer essa cobrança pelas duas cadeiras de balanço que foram vendidas a ele e ao chegar na casa, o cliente simplesmente disse ao vendedor que não tinha o dinheiro para fazer o pagamento, e também não lhe devolveria a mercadoria que estava com ele, o cliente então terminou sacando um revólver e disparando contra o vendedor que saiu correndo temendo por sua vida, apesar do susto, o vendedor não foi atingido pelo disparo.

Após a confusão, depois do susto e do livramento de uma tragédia, que foi evitada, o vendedor crediarista foi até a delegacia e lavrou um boletim de ocorrência.

A polícia ainda foi até a residência do cliente a fim de encontrar ele, mas o mesmo já havia se evadido do local e não foi encontrado.