O presidente Jair Bolsonaro comemorou as obras na Companhia Brasileira de Trens Urbanos de João Pessoa.

As obras que custaram R$ 10,3 milhões para a construção de desvios ferroviários nas linhas, ampliam a capacidade do transporte  e diminui o intervalo os trens que poderá cair dos atuais 69 minutos para 20 minutos.

O tempo atual de viagem é de uma hora e 10  minutos entre uma composição e outra e, no horário de pico, as pessoas não dispõem desse tempo para ir para o trabalho, escola ou outro destino. Por isso, muitos recorrem aos transportes de ônibus e aos alternativos. É um tempo longo em que as pessoas, entre seis e sete horas da manhã, não têm como esperar pela outra composição.

“Com esse intervalo menor, nós enquadramos a grade horária ao dos ônibus e damos uma complementação de viagem maior aos usuários. Essa demanda adicional vem dessa grade horária, mais condizente com as necessidades das pessoas”, afirmou a CBTU-JP.