A presidente estadual do PCdoB, Gregória Benário, declarou que os trâmites legais deverão ser seguidos, mas que a decisão da Federação Brasil da Esperança em apoiar a candidatura de Veneziano Vital ao governo, “nada vai mudar a posição política dos comunistas em apoiar a reeleição do governador João Azevedo”.

A Federação Brasil da Esperança é formada pelo Partido dos Trabalhadores (PT), Partido Comunista do Brasil (PC do B) e Partido Verde (PV).”Estivemos muitos anos na ilegalidade, muitos camaradas foram torturados e mortos por defenderem a causa do povo. Não será um coronel, vestido de petista, que irá nos diminuir. Se ele acha que defenderemos seu nome para o senado, está muito enganado”, desabafou Grégoria, se referido Ricardo Coutinho (PT), pré-candidatura ao Senado.

A convenção da federação estadual está marcada para amanhã. Segundo Gregória, é nela que tudo será decidido e em seguida encaminhado para a executiva nacional da federação, que vai  homologar ou não. “Não deve ser ao contrário”, afirmou.

Ontem (3),  o Comitê Central do PC do B se reuniu e homologou a Ata da convenção estadual que apoia a reeleição do governador João Azevedo, de forma irrestrita. “Como pode a federação nacional tomar uma decisão se nem o PT e o PV fizeram suas convenções para levarem suas Atas à convenção da federação estadual?”, questionou Benário.

ClickPB