Anitta no Grammy Latino 2021. (Foto: Arturo Holmes/Getty Images via AFP)

O Nubank anunciou nesta terça-feira (9) que a cantora Anitta deixa de fazer parte do conselho de administração do banco digital, 14 meses após ter passado a fazer parte do colegiado.

Em comunicado, o banco digital afirmou que a cantora agora será embaixadora global da marca, como parte do marketing do Nubank, à medida que ambos têm crescentes ambições globais.

“Em razão do intenso crescimento de sua agenda como pop star global (Anitta) solicitou que sua participação não fosse renovada”, diz trecho do comunicado do banco, acrescentando que a cantora participará da campanha do Nubank como patrocinador da Copa do Mundo de 2022.

Para sucedê-la no conselho, o Nubank apontou Thuan Pham, ex-diretor de tecnologia da Uber, e vice-presidente empresa de software e tecnologia VMWare. Também integram o colegiado: Anita Sands, Daniel Goldberg, Doug Leone, Jacqueline Reses, Luis Alberto Moreno, Muhtar Kent, Rogério Calderón e David Vélez, presidente do conselho.

‘Sou acionista da empresa e acredito muito nela’

Quando anunciou a entrada de Anitta no conselho em 2021, o Nubank disse que a cantora ajudaria o banco a melhorar seus serviços e produtos e que participaria de reuniões trimestrais com a diretoria para auxiliar nas decisões estratégicas sobre o futuro do negócio.

Segundo o banco, ao longo do último ano Anitta desempenhou um papel fundamental com sua experiência empresarial e seu conhecimento de marketing para os consumidores. A companhia diz que ela contribuiu com a definição da estratégia de ESG, o lançamento do Instituto Nu, e outros temas relevantes.

No comunicado divulgado pelo banco, Anitta destacou que é acionista da empresa e que ‘credita muito nela’. “Receber o convite de ser a embaixadora global do Nu me deixou extremamente feliz e orgulhosa. Assumo essa nova responsabilidade trabalhando no desenvolvimento da educação financeira de milhões de pessoas”, disse.

 

ClickPB