Equipe dos bombeiros trabalham em resgate de criança que caiu em buraco em Carmo do Paranaíba — Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação

Equipes dos bombeiros se mobilizaram nesta segunda-feira (22) no resgate de Pedro Augusto Ferreira Alves, de 8 anos, que caiu em um buraco de 8 metros de profundidade enquanto brincava em Carmo do Paranaíba. A queda ocorreu por volta das 15h de domingo (21), no Bairro Alvorada. O menino foi retirado do buraco com vida após 18 horas. No entanto, ele não resistiu aos ferimentos e morreu.

Anteriormente, o Corpo de Bombeiros havia informado sobre ferimento na perna do garoto.

Segundo a corporação, no local do buraco há uma obra em um terreno, onde a criança costumava brincar. A suspeita é que o local do acidente não estava cercado ou sinalizado.

O trabalho de resgate foi iniciado no domingo por volta das 17h e foi classificado pelos bombeiros como “meticuloso”, devido ao risco de desabamento de terra no buraco. A estratégia foi de um acesso lateral, com escavação ao lado do buraco.

O local do terreno é de aterro. Por isso, há maior instabilidade do solo, e um cuidado maior é necessário. A mãe de Pedro, Paloma Barbosa, acompanhou o resgate.

“Ele disse ‘mamãe, eu vou brincar.’ Ele estava com a prima dele quando vieram para cá. Ela contou que ele escorregou. […] Tá muito difícil, tô muito aflita, tô sem palavras”, comentou.

Uma ambulância já tinha sido deixada no local para que, assim que a criança fosse retirada, recebesse socorro e fosse levada para o hospital.

Bombeiros trabalham em resgate de criança em Carmo do Paranaíba — Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgaçã