O rei Charles III prometeu prestar serviço até o fim da vida ao povo do Reino Unido e seus outros reinos em um discurso solene à nação um dia após a morte de sua mãe, a rainha Elizabeth II.

“Como a própria rainha fez com tanta devoção inabalável, eu também me comprometo solenemente, durante o tempo restante que Deus me conceder, a defender os princípios constitucionais no coração de nossa nação”, disse o rei.

“E onde quer que você viva no Reino Unido, ou nos reinos e territórios em todo o mundo, e qualquer que seja sua origem ou crença, eu me esforçarei para servi-lo com lealdade, respeito e amor, como tenho feito durante toda a minha vida.”

Títulos

O rei britânico Charles III concedeu hoje os títulos de príncipe e princesa de Gales a seu filho mais velho William e à nora Kate, passando os títulos que ele e sua falecida esposa Diana possuíam anteriormente.

“Com Catherine (Kate) ao lado dele, nosso novo príncipe e princesa de Gales, eu sei, continuarão a inspirar e liderar nossos diálogos nacionais, ajudando a trazer os que estão nas margens para o centro, onde ajuda vital pode ser oferecida”, disse Charles em seu primeiro discurso à nação como soberano.

Durante seu primeiro discurso como monarca britânico, Charles também expressou seu amor pelo príncipe Harry e a esposa Meghan, seu filho e nora, em um gesto significativo para um casal cujas relações com a família real se tornaram tensas. “Também quero expressar meu amor por Harry e Meghan, enquanto eles continuam construindo suas vidas no exterior”, disse Charles em um discurso solene na televisão.

Reuter