Há suspeita de que mulher encontrada morta em uma estrada de terra, em Santa Rita, região metropolitana de João Pessoa, nesta segunda-feira (19), estaria grávida. A polícia ainda está investigando o caso e pede ajuda para tentar identificar a vítima.

O corpo ainda no início da tarde, bem ao lado da BR-230 no sentido João Pessoa/ Campina Grande, nas terras da Usina São João. Funcionários que passaram de manhã não viram nada no local, mas, no início da tarde, a mulher foi encontrada sem vida.

No corpo havia vestígios de 4 a 7 tiros e a perícia acredita que o crime possa ter ocorrido entre 6h e 11h da manhã. Ela estava de bruços e foi morta no local, de acordo com informações repassadas pela delegada Josenice Andrade.

Até o início da noite desta segunda-feira (19) ninguém havia se apresentado à polícia para fazer o reconhecimento da vítima. A mulher tem algumas marcas que podem ajudar na identificação.

“Ela estava com um conjunto short e blusa de malha de listras brancas e pretas. Tem uma tatuagem com o nome Célia no ombro esquerdo e uma tatuagem no braço direito com o nome Renan. Aparentemente tinha mais de 30 anos e tinha um cordão prateado no pescoço. Junto ao corpo também estavam um carregador de celular com uma fonte, mas o celular não estava no local”, disse a delegada.

Até agora a polícia não tem indícios da motivação do crime e pede que se há alguma informação, a população ligue para o Disque 197 ou procure a delegacia de homicídios na Central de Polícia de João Pessoa.

 

t5