Homem quase morre por roer unha após hábito causar doença gravíssima: veja riscos

Um cidadão britânico levou um susto quando precisou ser levado às pressas para o hospital após se sentir indisposto, mas sem um motivo aparente. O caso teve grande repercussão na mídia internacional pela causa da grave infecção que o acometeu: o hábito de roer as unhas.

O homem de 28 anos contou seu caso ao site do tabloide britânico “The Sun” e disse que apresentou sintomas de uma forte infecção e precisou ficar em observação no hospital por quatro dias para, então, ser liberado.

O indivíduo citou ainda que, além de roer as unhas, ele também mordiscava a pele que fica ao redor das unhas.

Entre os sintomas que ele afirmou ter sentido, sudorese, calafrios e febre indicavam algo mais sério, além de o seu dedo ter ficado inchado e latejando.