Casal condenado por estupro e cárcere privado de adolescente é preso em Natal

Um casal condenado na Justiça por estuprar e manter uma adolescente em cárcere privado foi preso nesta quarta-feira (6), durante uma operação da Polícia Civil do Rio Grande do Norte.

Os dois mandados de prisão definitiva contra um homem de 49 anos e uma mulher de 28 anos foram cumpridos pela Delegacia Especializada na Proteção da Criança e do Adolescente de Natal.

A mulher foi detida no bairro Planalto, Zona Oeste de Natal, enquanto o homem foi preso no seu local de trabalho, no bairro Lagoa Azul, Zona Norte da capital potiguar.

O crime cometido pelo casal ocorreu em 2016. De acordo com as investigações, o casal teria sequestrado uma adolescente, e a mantido em cárcere privado, além de praticar estupro de vulnerável. Ainda segundo a polícia, a vítima também era obrigada a realizar tarefas domésticas.

O mandado de prisão definitiva foi expedido pela Vara Criminal da Comarca de Tangará e os suspeitos foram condenados a 12 anos e quatro meses de prisão em regime fechado.

Eles foram encaminhados para o sistema prisional, onde permanecerão à disposição da Justiça.

Segundo a Polícia Civil, os nomes dos presos não foram divulgados para resguardar a intimidade e a integridade emocional da vítima.