Lula rejeita convite da Suíça para cúpula pela paz entre Rússia e Ucrânia

0
6
Os presidentes do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, e da Confederação Suíça, Viola Amherd, durante reunião bilateral em Genebra, nesta quinta-feira (Ricardo Stuckert/PR)

O presidente reiterou a posição do Brasil de que solução para a crise demandaria a participação de representantes dos dois lados; russos não foram chamados

Na reunião bilateral que teve nesta quinta-feira com a presidente da Suíça, Viola Amherd, em Genebra, Lula foi chamado pela anfitriã para participar de uma cúpula pela paz entre Rússia e Ucrânia que será realizada no país neste fim de semana, mas rejeitou o convite.

Segundo o Planalto, o presidente “cumprimentou a Suíça pela organização da Conferência, mas reiterou a posição do Brasil, de que uma solução para a crise demandaria a participação de representantes dos dois lados do conflito“. Os russos não foram convidados.

Ainda de acordo com o governo brasileiro, Lula reiterou o interesse do Brasil de participar e ajudar a viabilizar discussões de paz entre as duas partes. A reunião ocorreu no hotel em que o presidente está hospedado em Genebra.

Por Veja 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui