O quinto e último ‘Dia D’ de 2021 da Campanha de Vacinação contra a Covid-19 foi realizado nesta quarta-feira (29) em toda Paraíba. De acordo com uma parcial de doses aplicadas até as 19h desta quarta, foram aplicadas 40.601 doses, totalizando 293.418 doses nos cinco ‘Dia D’, sendo 53.388 no primeiro, no mês de setembro; 96.400, em novembro e 50.332 na primeira ação do mês de dezembro.

Até as 19h desta quarta-feira, 164 municípios responderam sobre a ação. Para maiores ou iguais a 18 anos, foram aplicadas 967 da primeira dose (D1); 5.378 segunda dose (D2); 25.439 doses de reforço e 1.902 doses do reforço com a Janssen. Para pessoas com idade entre 12 e 17 anos, foram aplicadas 1.064 doses da D1 e 5.851 doses da D2. Em João Pessoa, foram aplicadas 4.795 doses; Campina Grande, 3.692 doses; e em Sousa foram aplicadas 2.130 doses.

Para o secretário de Estado da Saúde, Geraldo Medeiros, estas ações realizadas em 2021 têm como objetivo vacinar o máximo de pessoas e, dessa forma, ter em 2022 um ano mais promissor no que diz respeito à pandemia. “Ter mais pessoas vacinadas significa maior proteção contra o vírus. É o escudo que necessitamos para a luta contra esse mal e, além disso, não devemos baixar a guarda e continuar usando máscara, manter o distanciamento social, evitar aglomerações e permanecer com as práticas de higienização das mãos com álcool ou água e sabão”, orientou.

A abertura oficial da Campanha aconteceu no Parque Solon de Lucena, em João Pessoa, pela manhã, com a presença do prefeito Cícero Lucena. “A vacina é algo que resgata a esperança de consolidar a vida econômica, cotidiana e a perspectiva de um ano de 2022 bem melhor do que foi 2021”, falou.

De acordo com a chefe do Núcleo de Imunização, da SES, Isiane Queiroga, todos os municípios foram completamente abastecidos com todas as vacinas. “A recomendação da SES é que não haja agendamento, o que facilita o acesso das pessoas nos locais de vacinação e haja o maior número de pessoas imunizadas”, disse.

“Vi na TV que a vacinação ia acontecer na Lagoa hoje pela manhã, e já acordei cedo pra vir tomar a segunda dose”, disse Ronaldo Nunes, de 55 anos, que mora no Distrito Mecânico.

A professora aposentada Jane Valéria também foi se vacinar logo cedo. “Vim tomar a terceira dose e encerrar o ciclo. Esses ‘Dia D’ são muito importantes porque mobilizam e conscientizam a população quanto à importância da vacinação”, declarou.