A música gravada por Naiara Azevedo com Marília Mendonça foi oficialmente autorizada pela família da cantora para ser lançada. A canção “50%” vinha causando polêmica nas últimas semanas, pois Naiara havia alterado a versão original após a morte de Marília.

A autorização veio da família da sertaneja que morreu em novembro, segundo o colunista Leo Dias, do Metrópoles, publicou na sexta-feira (21). O lançamento poderá usado, desde que “sem sensacionalismo”, segundo o advogado Robson Cunha.

Polêmica ocorreu, conforme Cunha, por Naiara ter “alterado o videofonograma original sem consultá-los antes”. A música foi gravada em 2020, porém foi repaginada em 19 de dezembro de 2021 pela cantora e sua equipe. Atualmente, Naiara está confinada no BBB 22.

Conforme os familiares de Marília, a nova versão tinha um “tom apelativo e diferente daquilo que pretendem passar para os fãs da Marília, que é uma imagem de uma mulher batalhadora, forte e que mesmo diante das adversidades buscou a forma positiva das coisas”.

“Ela [Mãe de Marília Mendonça] defende e apoia as homenagens a Marília, mas que não transformem isso em situações apelativas de sensacionalismo”, afirmou o advogado.

 

 

Da Redação / com portais