Um avião que transportava deputados federais, prefeitos e vereadores, de Brasília (DF) a Porto Alegre (RS), arremeteu na capital gaúcha, nesta quinta-feira (28). De acordo com informações iniciais, não houve vítimas e os políticos estão bem.

O acontecimento foi divulgado pelo deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS). Segundo o petista, o voo da Gol 1323, com destino à capital gaúcha, deveria ter pousado às 11h45

“Após enfrentar forte turbulência, com ventos fortes e grande área de instabilidade, o piloto arremeteu e levou a aeronave para Florianópolis. Estamos no avião, na pista, aguardando”, escreveu Pimenta.

Segundo o petista, estavam também no voo os deputados federais Lucas Redecker (PSDB-RS), Covatti Filho (PP-RS), Fernanda Melchionna (PSOL-RS), Dionilso Marcon (PT-RS) e Eduardo Bolsonaro (PL-SP).

“A gente estava chegando em Porto Alegre, deu uma ventania, forte turbulência, e o piloto voltou para Florianópolis. Teve preocupação, uns gritos de surpresa. Nunca peguei uma turbulência assim na vida”, disse Melchionna.

Em nota, a Gol informou que o voo alternou seu destino “devido a condições meteorológicas adversas no aeroporto Salgado Filho, na capital gaúcha”. Após o pouso em solo catarinense, a aeronave foi reabastecida e seguiu para Porto Alegre, com aterrissagem às 14h20, hora local. “A Gol reforça que os procedimentos adotados seguiram todos os padrões de segurança, valor número 1 da companhia”, completa o comunicado.

Fonte: R7