Estádio Almeidão (Foto: Divulgação)

Mais uma vez se repete a mesma recomendação do Ministério Público da Paraíba (MPPB) e o início da Segunda Divisão do Campeonato Paraibano de 2022 pode ser cancelado. A medida foi solicitada pelo promotor de Justiça Valberto Lira, depois de uma reunião nesta terça-feira (23). Ele afirma que os estádios Almeidão, Amigão, Toca do Papão e Sílvio Porto devem ser vetados.

O promotor disse que faltam os laudos técnicos das praças de esportes. “A determinação encaminhada à Federação Paraibana de Futebol (FPF) e para outros órgãos competentes é para que não seja marcado nenhum jogo nos estádios Almeidão, Amigão, Toca do Papão e Sílvio Porto, além dos estádios de Pedras de Fogo e Queimadas”.

Os dirigentes de Femar indicaram o estádio de Pedras de Fogo; a Queimadense tem interesse em mandar as partidas no estádio de Queimadas. Mas as duas praças de esportes também foram vetadas pelo Ministério Público da Paraíba, seguindo recomendação da comissão de vistoria e combate à violência nos estádos, que aponta falta de laudos.

Questionado sobre os estádios Almeidão, em João Pessoa e Amigão, em Campina Grande, que receberam jogos de Botafogo e Campinense, respectivamente, pela Série C do Campeonato Brasileiro até o início do mês, o promotor de Justiça Valberto Lira disse: “Nós acreditamos, infelizmente, nos gestores, aguardando que eles sanassem os problemas nos estádios. Estamos cheio dessas promessas. Isso só traz prejuízos ao futebol paraibano”.

Para reforçar a determinação de cancelar a primeira rodada da Segunda Divisão do Campeonato Paraibano, o promotor Valberto Lira afirmou: “Nós estamos naquela mesmice. Todos os anos os gestores assumem sanar as irregularidades apontadas pela comissão, e não resolvem. A determinação é que não seja marcado nenhum jogo para estes estádios”.

De acordo com tabela, quatros jogos estão marcados para o próximo fim de semana. No sábado (27), Spartax e Femar, às 15h, no estádio Almeidão, em João Pessoa. No mesmo dia, às 16h, no estádio Amigão em Campina Grande, o Serra Branca joga contra a Queimadense.

Já no domingo (28), às 15h, no estádio do Papão, em Sapé, o Confiança enfrenta a Desportiva Guarabira. Na segunda-feira (29), a Picuiense e Sabugy jogam no estádio Amigão, às 15h, em Campina Grande.

Ainda esta semana, seguindo sugestão do representante da Secretaria de Juventude, Esportes e Lazer do Estado (SEJEL), deve haver uma reunião envolvendo representantes do Ministério Público da Paraíba, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros Militar, Federação Paraibana de Futebol e da própria SEJEL, para tentar encontrar uma solução e que os jogos sejam marcados para os estádios Almeidão e Amigão, coordenados pelo Estado.

Portal Correio